Mãe se irrita ao dizerem que cesárea é o caminho mais fácil. Então, resolve desabafar em um post poderoso


.

Às vezes, as pessoas falam sem pensar, são completamente insensíveis.Você, certamente já teve uma conversa com alguém, e a pessoa te ofendeu sem nem sequer perceber isso? As chances disso acontecer, são muito grandes.

Se você nunca experimentou algo como o parto, não tem nada parecido com essa sensação. Uma mulher que teve que fazer uma cesárea ao invés do parto normal pode parecer que não quis dar à luz ao seu bebê, mas isso é uma forma errada de se pensar.

Toda pessoa tem direito à uma opinião, mas uma nova mãe está batendo de frente com muitas pessoas que pensam que fazer uma cesárea é o caminho mais fácil. "Não há absolutamente nada fácil em fazer um corte", diz Raye Lee.

Depois de ter sido obrigada a responder uma pergunta ignorante sobre ela não ter dado à luz ao seu filho, ela se sentiu no dever de mostrar que na realidade, nem tudo eram flores.


Os médicos cortam o abdômen da mãe e o útero para tirar o bebê. E acaba deixando uma cicatriz imensa na mãe, mas algumas mostram essa marca com orgulho para lembrar que trouxeram filhos a este mundo.

No entanto, Raye descreve que o processo não é nada fisicamente ou emocionalmente agradável e não deve ser desprezado. "Depois do parto, as mães ainda passam de 2 a 3 dias no hospital e geralmente não conseguem nem andar durante esse tempo, a incisão na barriga é tão dolorosa que leva muito tempo para curar. Para levantar da cama pela primeira vez é horrível", conta ela.

Após o desabafo de Raye, outras mulheres começaram a compartilhar suas experiências com ela:

"Eu tive dos meus filho com parto normal há 4 anos, e a recuperação foi incrivelmente mais fácil do que minha cesárea do filho mais novo há 3 anos. Foi a pior experiência que já vivi", conta uma mãe.

O post que Rayen fez teve tanta atenção que foi compartilhado cerca de 7.000 vezes e tem mais de 5.000 curtidas!

Então, você que é mulher e tem filhos: qual sua opinião sobre a cesárea?


Avalie este Artigo?

Mais pra voce!