Desesperada, esta mãe passa noites acordada enquanto o filho dorme na pia. Que história!


 

Stephanie Smith, 35, tem um filho pequeno chamado Isaiah. Quando Isaiah nasce, Stephanie mal pode conter a felicidade. Até que ela nota algo estranho na pele do recém-nascido, e a vida deste bebê vira um verdadeiro pesadelo.

Uma irritação vermelha aparece na pele de Isaiah; ele tem apenas 3 meses de vida. Toda vez que ele entra em contato com perfume ou qualquer cheiro intenso, a irritação piora. A situação se agrava ao ponto de a pele delicada do bebê rachar e sangrar.

Os médicos acham que Isaiah tem um caso grave de eczema. Eles receitam uma pomada à base de cortisona. De início, a irritação parece melhorar, mas então um novo pesadelo começa:


O corpo inteiro de Isaiah fica vermelho e a irritação volta, só que pior. O bebê precisa de mais pomada para tratar as lesões severas, o que só faz desencadear o mesmo processo.

A irritação melhora um pouco, só para depois piorar. Os médicos não acreditam na reação do corpo do bebê. Seu cabelo começa a cair e ele responde cada vez menos a estímulos.

“Os médicos diziam que era só eczema," diz Stephanie. "Muitos médicos entravam e saíam do nosso quarto no hospital. Um dos médicos chegou a dizer que era eu quem estava envenenando meu filho com o leite materno e que deveria parar de amamentar imediatamente."

Aos 5 meses, Isaiah tem uma erupção muito severa. Ele é trazido às pressas de volta para o hospital e tratado com corticóides pesados. Sua pele volta ao normal, mas 2 dias depois a erupção volta. O bebê grita incessantemente.

Isaiah só se sente melhor dentro da água. Por isso, Stephanie passa horas sentada ao seu lado enquanto ele descansa na pia. É o único lugar em que Isaiah não chora.


Avalie este Artigo?


Mais pra voce!